/Nova Russas: vereador Pedro Lira diz que falta de respeito da administração é geral

Nova Russas: vereador Pedro Lira diz que falta de respeito da administração é geral

O vereador Pedro Lira (PPS)  desabafou na Tribuna da Câmara na sessão desta quarta-feira (22/05). Pedro disse que a falta de respeito é geral. A líder do prefeito, vereadora Izabel Moura (PTN),  sai da sessão antes de ouvir as cobranças dos parlamentares e até hoje a vereadora Socorrinha Holanda (PMN) não fez um pedido de desculpas formal aos motoristas pelas insinuações de que eles poderiam estar carregando drogas e armas dentro dos carros oficiais da prefeitura.” Se existe alguém carregando drogas ou armas que ela acuse ou se identifique” cobra o parlamentar, os devidos esclarecimentos.

Pedro Lira disse ainda que a presidência da Câmara errou em não dar espaço ao vice-presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Nova Russas para defender a classe dos motoristas. Pedro relata que os motoristas estão sendo cobrados pela própria família para esclarecer esse caso de uma vez por todas.  ” Vocês são cobrados pelos filhos, pelos irmãos, pela mãe, por todo mundo e achei uma covardia muito grande por parte dela, mas isso é normal, quem tá no poder pode tudo”, relata o vereador destacando que os próprios membros da administração dizem isto.

O parlamentar disse que a falta de respeito da administração é tão grande que nem os parlamentares da própria situação eles respeitam, abrem espaço para eles falarem o que pensam.

Pedro pede aos motoristas para não deixarem barato e os incentiva a irem à Justiça atrás dos seus direitos,” quem não deve não teme,” finaliza o vereador.

O vereador Teixeira (PDT) pediu que o vereador Pedro Lira medisse mais as palavras em relação aos vereadores, sobretudo, com relação as insinuações em que parlamentares situacionistas estariam se omitindo em casos de realizações de obras da administração que estariam com desvio de finalidade. Teixeira também relatou que o parlamentar na sessão passada teve um comportamento diferente em relação ao caso da vereadora Socorrinha Holanda.

Comente com Facebook