Polícia Civil de Tauá estoura boca de fumo. Uma mulher foi presa.

2 Min. de Leitura

Uma operação desencadeada pela Polícia Civil de Tauá prendeu na tarde desta quarta-feira (17), no Bairro Manuel Alves Mota, uma mulher acusada de tráfico de drogas. A acusada foi identificada como sendo Erica Alves Barbosa, 25 anos, residente na Rua São Geraldo, no citado bairro. A prisão e a apreensão do material ilícito foram feitas pelo Delegado Gisleian Lima e inspetores Wilson e Michel.

No período da tarde a Polícia Civil foi ao citado endereço, mas a sogra da acusada (identidade não revelada), agiu de má fé e informou que a pessoa que estava sendo procurada, se encontrava em outro endereço. A  informação tinha o objetivo de enganar os policiais. O Delegado chegou a deixar o local, mas um policial ficou observando a movimentação e percebeu o exato momento em que um embrulho era jogado do interior do imóvel para um terreno baldio ao lado da casa. Quando foi averiguado, tratava-se de cocaína pura, cerca de 50 gramas.

Descoberto o ilícito, os policiais entraram na residência e encontraram Erica, que estava escondida dentro da casa. Durante a averiguação, a equipe da Polícia Civil encontrou vasto material oriundo do tráfico, e prendeu em flagrante a dona da casa que foi levada à delegacia e autuada no Artigo 33 da Lei de entorpecentes.

A acusada negou ser traficante, afirmando que é vendedora de roupas e outros objetos. No entanto, para a Polícia, o material encontrado na casa dela, como cocaína, tablets, celulares, relógios e uma quantia em dinheiro, evidenciam o tráfico./Lindo Johnson

Compartilhar Notícia