Fortaleza. A cidade que encanta turistas

4 Min. de Leitura

Desvalorização do real, praias no entorno, infraestrutura e boa gente. Essas e outras características atraem turistas estrangeiros e nacionais para a Capital do Ceará

Com o real desvalorizado cerca de quatro vezes em relação ao dólar e ao euro, o País se torna mais atrativo para estrangeiros e para o próprio brasileiro. Dentre os destinos mais procurados por todos os tipos de turistas está Fortaleza. Conforme levantamento da plataforma de turismo Decolar.com, a Capital foi o destino mais procurado por brasileiros no final de 2015 e ficou em quarto lugar entre os argentinos. A Cidade, além da variedade de praias, é elogiada pela receptividade das pessoas, pela infraestrutura e chama atenção por sua tendência natural para ser polo de esportes, como surfe e kitesurf.

 

Para se ter ideia do crescente interesse dos brasileiros por destinos nacionais, dados do Ministério do Turismo, da Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem, mostram que 86% dos turistas nacionais ficarão dentro do País. No Nordeste, Fortaleza se destaca por ter fechado 2015 como a capital que mais evoluiu em aspectos que compõem a atividade turística no País, de acordo com o Índice de Competitividade do Turismo Nacional, divulgado em dezembro pelo Ministério do Turismo. Isso colabora para que turistas sejam atraídos para a Capital. Partindo da Cidade, a expectativa é que 1,05 milhão de turistas visitem o Ceará na alta estação, que vai de dezembro de 2015 a fevereiro de 2016, segundo estimativas da Secretaria do Turismo do Estado (Setur).

Ao conversar com estrangeiros, fica claro o quanto o câmbio favorece o setor no Brasil. Mas, dentro de um País tão grande e diversificado, por que Fortaleza? Estrangeiros ouvidos pelo O POVO citam as praias do Estado, o clima e a receptividade das pessoas. O investidor norte-americano, Ruben Vazquez, diz que seu poder de compra é bem maior no País e que a receptividade em Fortaleza é diferente de outros lugares do mundo. “Posso encontrar bons serviços muito baratos. Comprei uma hora de massagem por aproximadamente US$ 7 na praia. Nos Estados Unidos, isso me custa US$ 25 por 20 minutos em uma sala chata de shopping”.

O mar que atrai
Para Raphael Brouwer, pedagogo holandês, Fortaleza é famosa em seu País por causa do surfe. “Para mim, particularmente, é atrativa a praia, o clima quente e as noites de vida tranquila. É muito bom curtir uma rede na Cidade”, diz. Segundo Arialdo Pinho, secretário do Turismo do Estado, o perfil do turista que visita o Ceará é justamente esse que vem à procura de esporte no mar.

 

“Somos considerados o melhor lugar do mundo para a prática do kitesurf e, com isso, abrimos um novo mercado. A nossa natureza permite isso. Quase que diariamente temos cerca de 4 mil jovens praticando esportes nas nossas praias e 90% deles são estrangeiros”, explica. Em 2015 – dados da Setur até novembro, o crescimento no número de estrangeiros no Ceará foi de 7,4% ante 2014. Isso contabiliza mais de 201 mil turistas até o período.

 

O empresário suíço Michael Pluss é um dos estrangeiros que gostam de aproveitar as ondas cearenses. Já aproveitou o mar do Porto das Dunas, em Aquiraz, de Barra Nova, em Cascavel, e da Praia do Futuro.

 

Compartilhar Notícia