/Estudantes e professores protestam no Ceará contra corte de verbas para a educação anunciado pelo MEC

Estudantes e professores protestam no Ceará contra corte de verbas para a educação anunciado pelo MEC

Estudantes, professores e servidores de instituições federais do Ceará protestaram na manhã desta quarta-feira (15/05) contra o bloqueio no repasse de verbas para educação anunciado pelo Ministério da educação (MEC)  Outras cidades do país também tiveram atos nesta quarta 

A manifestação no Ceará ocorreu entre 8h e 12h. Um grupo se concentrou na Praça da Bandeira, em frente ao prédio do curso de direito da Universidade Federal do Ceará (UFC), no Centro de Fortaleza. No interior do estado, houve protestos em 40 cidades.

Os sindicatos que organizaram as manifestações estimam que cerca de 100 mil pessoas participaram dos atos contra o corte de verba das universidades federais. A Polícia Militar do Ceará não divulga estimativa de participantes.

Em Fortaleza, os manifestantes usaram carros de som e faixas com palavras de ordem contra o bloqueio nos repasses para a educação. Algumas vias no entorno da Praça da Bandeira foram fechadas pelo grupo durante o ato.

Os participantes saíram em passeata por ruas e avenidas da capital. Os manifestantes chegaram na reitoria da Universidade Federal do Ceará, no Bairro Benfica, por volta das 10h30. O protesto se concentrou no cruzamento das avenidas da Universidade com 13 de Maio./G1

Comente com Facebook