/Tá na Mídia. Por Reginaldo Silva

Tá na Mídia. Por Reginaldo Silva

Sucessão em Monsenhor Tabosa Quatro nomes estão no páreo para brigar pelo apoio do prefeito Jeová Madeiro. Roberto Porfírio, atual presidente da Câmara, a vereadora Solange Baltasar, o vereador Vicentinho e doutor Salomão, ex-procurador do município. O prefeito Jeová Madeiro, que já está na reeleição, terá a missão de fazer o sucessor fora do clã dos Madeiro.

Sucessão em Ipueiras Informações davam conta de que o prefeito de Ararendá, Aristeu Eduardo poderia indicar o vice na chapa de Junior do Titico. O próprio Junior disse que não existe nenhum tipo de diálogo nesse sentido, ressaltou que há uma boa relação com o PT de Ipueiras e que hoje o desejo da maioria do grupo de oposição é que se mantenha a dobradinha que disputou a eleição passada, com a dupla Junior e George.

Secessão em Ipueiras 2 O prefeito Nenem do Cazuza disse que sua preocupação no momento é continuar trabalhando pelo desenvolvimento de Ipueiras e principalmente combater uma campanha que tenta macular sua imagem de integridade administrativa. Para tanto, está recorrendo aos órgãos competentes superiores do Ministério Público para zelar por sua imagem e da própria Instituição, para que, caso seja comprovado excessos ou irregularidades possam ser corrigidos em nome da lei.

Sucessão em Ipueiras 3 O prefeito Nenem do Cazuza vai sim concorrer a reeleição e deve reunir seu bloco de apoiadores para definir a composição da chapa no momento adequado. Nenem vai voltar a Brasília nesta próxima semana tentar desbloquear os recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental (FUNDEF) com o objetivo de dar uma alavancada na economia do município.

Sucessão em Ararendá O prefeito Aristeu Eduardo mantém em sigilo o nome de seu sucessor, contudo, existem comentários na cidade que sua esposa, vereadora Raquel, poderia ser a candidata, para tanto, eles deveriam estar separados legalmente e, ainda assim, poderiam enfrentar questionamentos na Justiça. Um contador da prefeitura e um secretário municipal também figuram entre as opções do prefeito de Ararendá. Nós tentamos um contato com o prefeito para confirmar as informações, mas ele não atendeu ao telefone e nem retornou nenhuma ligação até o fechamento desta edição.

Sucessão em Quiterianópolis Júnior Arão transferiu seu domicílio eleitoral para Quiterianópolis. A mudança foi feita durante o recadastramento biométrico eleitoral no município. Junior Arão é irmão da deputada estadual, Aderlânia Noronha (SD) e cunhado do deputado federal Genecias Noronha (SD), ele também conta com o apoio do ex-prefeito Chico Vieira para concorrer a prefeitura municipal nas eleições do ano que vem.

Secretário de Saúde do Estado em Crateús Doutor Cabeto visitou o Hospital São Lucas em Crateús, neste 14 de agosto, acompanhado dos deputados Jeová Mota (PDT), Walter Cavalcante (MDB) e Carlos Felipe (PC do B), além da assessora do governador Camilo Santana, Janaína Farias, prefeitos e secretários municipais  que compõe a 15ª Região de Saúde. Na pauta, ampliação dos serviços para atendimento de trauma e novos leitos de UTI estão entre as medidas a serem tomadas para aumentar a efetividade da assistência em saúde à população.

A imagem pode conter: 20 pessoas, incluindo Jose Vagno Mota, pessoas sentadas e área interna

Secretário de Saúde do Estado em Crateús 2 O Hospital São Lucas é um dos 37 hospitais polo que recebem recurso estadual mensalmente. Chamou a atenção na apresentação dos recursos recebidos pela instituição de saúde, o valor do repasse da prefeitura de Crateús ao Hospital, apenas R$ 65 mil reais mensais. Em 2019, 74,39% dos atendimentos foram destinados ao município de Crateús, o segundo maior usuário dos atendimentos a saúde é o município de Novo Oriente com 48,93% do total de atendimentos. O deputado estadual Jeová Mota informou que o governador Camilo Santana deve anunciar novos investimentos para o Hospital nesta segunda-feira (19/08) em solenidade no Palácio da Abolição.

Mais recursos para região  Depois de destinar mais de hum milhão de reais para Nova Russas em recuperação de estradas, construção de passagens molhadas, perfuração e instalação de poços profundos e aquisição de um trator para o homem do campo, o deputado federal Junior Mano (PL), destinou R$ 142 mil reais para a saúde de Ararendá, para a compra de uma máquina de ultrassom e custeios. Junior tem destinado recursos para vários municípios cearenses voltados para melhoria da qualidade da saúde.

A imagem pode conter: 1 pessoa, texto

Nova Russas Festa de Agosto Depois dos transtornos causados pela falta de gerador na última noite da Festa de Agosto, começou a caça as bruxas, os mais exaltados governistas estão procurando culpados, para esconder os erros da administração. Se tivessem economizado na contratação daquele camarote gigante e, contratado mais geradores, não teriam exposto o povo e os artistas aquele vexame de ter as bandas parando por falta de som e iluminação. Enquanto o camarote estava todo iluminado, o palco principal estava todo no escuro.

Nova Russas Festa de Agosto 2 Ainda sobre o último dia de Festa de Agosto, vale registrar o aniversário do empresário Nenem Lima, que reuniu a classe empresarial, política, familiares, amigos e colaboradores de suas empresas na Churrascaria Bela Brasa. Dentre os presentes, o deputado estadual Jeová Mota, Antonio Luis Mano, pai do deputado federal Junior Mano, presidente da Câmara Municipal, vereador Adalberto Filho, os vereadores, Marcelo Evangelista, Paulinho Talegal, Hudson Guilherme, Antonio Carlos, Pedro Lira e Toinha do Capitão. O blogueiro professor Tim também esteve presente e reuniu a classe política para o registro fotográfico.

Nova Russas Festa de Agosto 3 Na sessão relâmpago da Câmara Municipal de Nova Russas do dia 14 de agosto foi distribuído a prestação de Contas de Governo exercício 2012, de responsabilidade do ex-prefeito Paulo Cesar Evangelista. O parecer prévio do Relator, Conselheiro, José Valdomiro Távora de Castro Júnior foi “desfavorável” a aprovação de contas do ex-prefeito, Paulo Evangelista. De acordo com o relator, houve extrapolação com despesas de pessoal do Poder Executivo, ferindo dispositivo Constitucional e Lei de Responsabilidade Fiscal. Cabe a Câmara seguir ou não o parecer do relator.

 *Reginaldo Silva: professor, radialista e editor Ceara Notícias

 

 

 

Comente com Facebook