/Setembro Amarelo: campanha de prevenção do suicídio no Ceará compartilha mensagens positivas nas redes sociais

Setembro Amarelo: campanha de prevenção do suicídio no Ceará compartilha mensagens positivas nas redes sociais

Recados com mensagens de encorajamento serão divulgadas nas redes sociais, nos dias ímpares de setembro, em campanha de combate ao suicídio do projeto Vidas Preservadas, do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). A iniciativa foi lançada nesta sexta-feira (30/08), no seminário “A evolução da prevenção do suicídio no Brasil e no Mundo: diretrizes para uma política efetiva”.

A ideia é que o Ministério Público inicie a postagem de bilhetes com frases de encorajamento, fotografados e compartilhados por meio das redes sociais. O objetivo da instituição é disseminar a ideia ao longo do mês para que a população também crie, escreva e troque mensagens de valorização da vida por meio de seus perfis pessoais.

Durante o seminário desta sexta-feira, discutiu-se a necessidade de criação de políticas públicas para contribuir na prevenção do suicídio no Ceará, onde os números alertam para a causa. “Nós temos uma realidade, em Fortaleza, que é de epidemia de suicídios. No Estado do Ceará, do ano de 2010 a 2018, houve um crescimento de 31,8% nos casos oficiais, fora aqueles que não foram notificados”, explica o coordenador do Vidas Preservadas, Hugo Mendonça.

O projeto oferece capacitações, seminários e outras campanhas de valorização à vida, e busca se expandir no interior do Ceará durante todo o ano. Conforme Hugo, cerca de 50 municípios já possuem o apoio do Vidas Preservadas./ge

Comente com Facebook