Samuel Elânio diz que jovens não eram alvos de criminosos na tentativa de chacina

2 Min. de Leitura

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Samuel Elânio, diz que os adolescentes que participavam de um projeto social em uma Areninha, do Boréu, que sofreram uma tentativa de chacina na noite dessa segunda-feira (23/10), não eram o alvo dos criminosos. Eles procuravam um homem que havia feito uma ameaça contra a comunidade do Gereba, no bairro. O alvo não foi encontrado, mas ainda assim eles efetuaram tiros contra os jovens.

Os jovens estavam participando de um projeto social na Areninha quando os criminosos chegaram em um automóvel e realizaram os disparos.

Quatro adolescentes foram baleados, sendo três garotos de 12, 13, e 14 anos, mas Kristian Gean de Araújo Aves, de apens 14 anos, não resistiu aos ferimentos. Um homem de 29 anos também foi baleado na tentativa de chacina.

Moradores relatam que eles chegaram e começaram a disparar e se quer se importaram se ali estavam apenas craianças.

Dois suspeitos foram presos: Edivanio da Silva Nascimento, de 22, anos e Lucas Felix de Sousa 26 anos. Os dois presos tiveram participação direta no ataque, conforme o secretário da Segurança Pública, e atiraram a ermo. Os homens foram reconhecidos e outros envolvidos, identificados, ainda conforme Elânio.

(Foto: reprodução)

Compartilhar Notícia