Revoada no MDB, quatro prefeitos deixam a sigla e se filiam ao PSB de Eudoro Santana

1 Min. de Leitura

Áudios vazados do deputado federal e presidente estadual do MDB, Eunício Oliveira com declarações homofóbicas em relação ao secretário de Assuntos Federais do Estado, Leonardo Araújo, levaram a uma revoada de prefeitos do MDB para o PSB de Eudoro Santana.

A filiação dos quatro prefeitos cearenses ocorreu nesta terça-feira (24/10); Telvânia Braz de Paramoti, Rafael Marques de Pacatuba, Robert Viana de Mulungu e David Campos de Palmácia. Os gestores são ligados politicamente a Leonardo Araújo.

De acordo com Leonardo Araújo a articulação foi feita com a anuência do governador Elmano de Freitas (PT), da senadora Augusta Brito (PT) e do ministro da Educação e senador Camilo Santana. Os gestores vinham conversando com o Republicanos de Chiquinho Feitosa, mais acabaram desembarcando no PSB, de Eudoro Santana, pai do ministro da Educação, Camilo Santana.

Tanto o PSB, quanto o Republicanos são uma espécie de partido alternativo de apoio ao PT no Ceará, aqueles que querem apoiar o governo e não tem uma afinidade direta com o PT, acabam escolhendo uma dessa siglas para ficar na base de apoio governista. É uma forma de descentralizar o poder e não concentrar em um único partido.

(Foto: Divulgação)

.

Compartilhar Notícia