/Qual o destino partidário de Jair bolsonaro

Qual o destino partidário de Jair bolsonaro

Depois dos ataques do presidente Jair Bolsonaro a própria legenda e da troca de farpas do filho do presidente com o líder da sigla, Major Olímpio em redes sociais. O Republicanos, partido ligado à Igreja Universal, pode ser o novo destino partidário do presidente Bolsonaro e seus aliados.

O deputado Marcos Pereira, presidente da agremiação, diz: “Estão recomendando isso, que a gente traga ele”.

Para que os deputados do PSL aliados a Bolsonaro migrassem também para a sigla, seria necessário que o Republicanos se fundisse a outro partido. “Não foi feito esse diálogo ainda”, diz Marcos Pereira.

A situação é delicada e recomenda paciência.

A outra hipótese é os parlamentares peselistas conseguirem autorização da Justiça Eleitoral para deixar o PSL sem perder o mandato —alegando, entre outras coisas, perseguição da legenda.

Nesta terça-feira (15/10) a Polícia Federal cumpre mandatos de busca e apreensões em endereços ligados ao presidente do PSL, Luciano Bivar, mais um capítulo que deve agravar a crise ainda mais.

 

Comente com Facebook