Pros-CE deixa aliança com Capitão Wagner e anuncia apoio a Lula, Emano e Camilo, entenda o caso

1 Min. de Leitura

O Partido Republicano da Ordem Social (Pros) recua da decisão de apoiar a pré-candidatura de Capitão Wagner (União Brasil) ao Governo do Ceará. O novo comando da sigla no Estado comunica o apoio às candidatura de Lula, Elmano e Camilo, pelo PT, para presidente, governador e senador, respectivamente.

A mudança foi fruto de uma articulação do ex-senador Eunício Oliveira (MDB) que conseguiu a renovação da comissão provisória regional no Ceará aprovada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) . O sobrinho de Eunício, Otoni Lopes de Oliveira Neto, foi nomeado presidente do partido no lugar do empresário Adilson Pinho. A nova comissão fica no comando até 31 de dezembro de 2022.

Após as mudanças no comando do Pros do Ceará, o novo presidente regional emitiu Nota falando sobre o novo posicionamento da legenda.

“Diante do novo cenário eleitoral no Ceará, com o recente lançamento de uma candidatura que representa a continuidade do grande trabalho realizado pelo governador Camilo Santana e pela governadora Izolda Cela, o Pros anuncia sua decisão de seguir as candidaturas de Elmano para governador, Camilo Santana para o Senado e Lula para Presidência”

OTONI LOPES DE OLIVEIRA NETO

Presidente do Pros Ceará

 

Compartilhar Notícia