/Milhares de estudantes protestam contra os cortes na Educação

Milhares de estudantes protestam contra os cortes na Educação

Estudantes universitários e professores foram às ruas em pelo menos cinco estados da federação nesta quarta-feira (08/05), para protestar contra os cortes de Bolsonaro e seu ministro Abraham Weintraub dos recursos das universidades e institutos federais e bolsas da pesquisa.

A Universidade Federal Fluminense (UFF), única faculdade pública na Região da Costa Verde, e que abriga o Instituto de Educação de Angra dos Reis (IEAR), manifestou-se no centro da cidade chamando atenção aos cortes de verbas para a educação

Em São Paulo, cinco mil estiveram na avenida Paulista na Marcha pela Ciência de São Paulo, convocada por estudantes e apoiada pela Sociedade Brasileira pelo Progresso da Ciência (SBPC), União Nacional dos Estudantes (UNE) e União Municipal dos Estudantes Secundaristas (UMES).

Em Niterói (RJ) e Curitiba, ao menos 10 mil estudantes estiveram nas ruas. Protestos também aconteceram em Campos de Goytacazes (RJ), Natal (RN) e Passos (MG).

Além de cortar 30% das verbas destinadas às universidades e institutos federais, podendo causar o fechamento de algumas unidades, Bolsonaro anunciou, nesta quarta, o congelamento da verba de todas as bolsas inativas da CAPES, instituição de fomento à pesquisa.

Comente com Facebook