/Herbert Lobo não é mais o superintendente do Ibama

Herbert Lobo não é mais o superintendente do Ibama

Herbert Lobo não é mais o superintendente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) no Ceará. Ele passou dois anos a frente do órgão, fez um bom trabalho, porém, teve sua exoneração publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (28/02). Também foram exonerados os superintendentes do Ibama em outros 19 estados e do Distrito Federal.

Em sua página no Instagram, Herbert disse estar satisfeito com os resultados à frente do Ibama:

“Sinto-me honrado de, humildemente, ter colaborado com as transformações que os competentes e dedicados servidores públicos federais e colaboradores do órgão promoveram no período. Foi uma pequena revolução que conseguiu reposicionar o Ibama no cenário institucional cearense para além seara ambiental, mas como boa referência na gestão pública, tão reclamada pelo cidadão-contribuinte brasileiro. Ao deixar o Ibama, ao que pese nossas limitações e imperfeições, fizemos o que estava ao nosso alcance e o mais importante, respeitamos e honramos o órgão como uma instituição do Estado brasileiro, não como um instrumento de governo A ou B, não como um feudo partidário”. Escreveu Herbert.

Até agora o Ministério do Meio Ambiente ainda não divulgou os motivos da exoneração dos superintendentes do Ibama nos Estados. Herbert chegou a Superintendência do órgão com o apoio político do então presidente do Congresso Nacional, Eunício Oliveira (MDB), que não se reelegeu senador, bem como com o apoio do deputado federal Moses Rodrigues também do MDB. O partido que outrora comandava as duas Casas Legislativas e exercia forte influência sobre o Palácio do Planalto, depois da eleição para presidência do Senado, a cada dia vem perdendo mais força no cenário Nacional.

 

 

Comente com Facebook