Fortaleza lidera ranking de capitais com maior taxa de homicídios na adolescência

2 Min. de Leitura

Capital cearense lidera o ranking seguida por mais três cidades do Nordeste.

Fortaleza é a capital brasileira com maior índice de assassinatos entre adolescentes, segundo Índice de Homicídios na Adolescência (IHA) divulgado nesta quarta-feira (28). Com 9,92 mortes para cada grupo de mil pessoas entre 12 e 18 anos, a capital cearense lidera o ranking seguida por mais três cidades do Nordeste brasileiro: Maceió, com taxa de 9,37, Salvador, com 8,32, e João Pessoa, com 6,49.

O estudo foi produzido com base em dados de 2012 e estima que mais de 42 mil adolescentes correm risco de serem assassinados nos municípios brasileiros com mais de cem mil habitantes. A projeção diz respeito ao período entre 2013 e 2019. A taxa é a pior desde 2005.

O crescimento econômico do Nordeste é um dos motivos pelos quais a violência contra jovens teria crescido na região: Pelo menos é o que acredita a ministra Ideli Salvatti, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH). Para ela, o crime vai para onde tem o dinheiro.

Fortaleza ocupa o topo da lista, com índice de 9,92 mortes para cada grupo de mil pessoas entre 12 e 18 anos. Em seguida estão Maceió, com taxa de 9,37,Salvador, com 8,32, e João Pessoa, com 6,49 (FONTE: Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República).

Tribuna do Ceará

Compartilhar Notícia