/Evandro Leitão: “não vou permitir que criminalizem o futebol”

Evandro Leitão: “não vou permitir que criminalizem o futebol”

O deputado estadual Evandro Leitão (PDT) defendeu na Tribuna da Assembleia Legislativa o Projeto de Lei Nº 85/2019 de sua autoria que permite a comercialização de bebidas alcoólicas nas arenas esportivas.

Evandro disse que querem criminalizar o futebol e na qualidade de defensor do esporte não vai permitir.

O parlamentar ressaltou que sua defesa tem a convicção de quem vai aos estádios há mais de 40 anos, o projeto visa regularizar a venda, o consumo e consequentemente manter um maior controle para evitar os excessos.

Evandro esclarece  que o projeto prevê a venda de bebidas com teor alcoólico abaixo de 10%, ou seja, na prática apenas cerveja e chopp. Segundo ele, o torcedor só poderá consumir a bebida em copos descartáveis. A venda será efetuada com duas horas de antecedência e, isto contribuirá para evitar tumultos na hora da entrada nos estádios. O torcedor continua sendo proibido de entrar com bebidas para que se tenha maior controle.

“Além dessas medidas, o projeto prevê que cada torcedor só poderá comprar duas unidades por vez e  será exigido que ele apresente um documento com foto para evitar venda de bebidas a menores de 18 anos.” Acrescenta Evandro.

O parlamentar também lamenta a falta de apresentação de dados científicos por parte daqueles que são contrários ao projeto. “Até aqui, eles não apresentaram estudos comprobatórios que confirme a relação do álcool com violência nos estádios, por essa razão combatem apenas baseados em achismos”, pontuou o deputado.

Para Evandro Leitão querem criminalizar o futebol, uma vez que a venda de bebidas são permitidas em outros eventos esportivos e estão tratando as pessoas que fazem o esporte como marginais.  “nós não vamos permitir que criminalizem o futebol”, destacou o parlamentar.

Comente com Facebook