Esquerda dividida: Lula revela que caso não tenha seus direitos políticos restituídos, Haddad será seu candidato

1 Min. de Leitura

As dúvidas sobre para onde apontaria Lula caso não consiga o direito de concorrer a eleição presidencial em 2022 foi revelada pelo próprio ex-presidente. Ele já sinalizou que, caso o STF (Supremo Tribunal Federal) não restitua os direitos políticos para que ele concorra à Presidência em 2022, defenderá que o PT escolha Fernando Haddad como candidato.

A informação dada pelo Painel da Folha revela que os dois, Lula e Haddad, inclusive pretendem retomar em breve viagens pelo Brasil, indo a alguns lugares juntos e fazendo também roteiros separados. Em fevereiro, Haddad deve ir a Minas Gerais.

Nesta semana o ex-prefeito de São Paulo já passou quatro dias em Brasília, em reuniões com deputados, senadores e com a presidente do PT, Gleisi Hoffmann.​

(Foto: reprodução)

Compartilhar Notícia