Escola do interior do Ceará fica com o prêmio de melhor do mundo

2 Min. de Leitura

A Escola de Ensino Médio de Tempo Integral Joaquim Bastos Gonçalves, localizada na cidade de Carnaubal-CE, a 346 km de Fortaleza, venceu o prêmio “Melhores Escolas do Mundo”. A escola ganhou 50 mil dólares, aproximadamente R$ 250 mil.

A unidade de ensino cearense ganhou o prêmio na categoria “Apoiando vidas saudáveis”, com o projeto “Adote um Estudante”, ação voltada à saúde mental dos alunos. O prêmio foi criado pela T4 Education, apoiado pela Fundação Lemann, Accenture e American Express.

O projeto teve início durante o retorno as aulas presenciais, logo após o período da pandemia de Covid-19. Os professores e diretores de turma observaram, em sala de aula, que muitos jovens enfrentavam problemas de saúde mental como ansiedade, depressão, baixa autoestima, dificuldades de comunicação e de socialização.

Para mudar esse quadro caótico da saúde mental dos alunos, o professor de educação física Guilherme Barroso, que também atua como diretor de turma na instituição, sugeriu a criação de um projeto que trabalhasse com o apoio de psicólogos voluntários, de diversas partes do Brasil.

Pela ação, os profissionais oferecem atendimentos via Google Meet, possibilitando aos alunos receber assistência psicológica de forma individual. Além dessa vertente, o projeto também oferta atividades de esporte e oficinas de teatro, dança, pintura e crochê.

A premiação

A competição foi criada em 2022, abrange cinco categorias (ação ambiental; inovação; superação de adversidades; colaboração comunitária e apoiando vidas saudáveis). O World’s Best School Prizes foi criado pela T4 Education e apoiado pela Fundação Lemann para compartilhar boas práticas que transformem a vida dos estudantes e façam diferença nas comunidades onde as escolas estão inseridas. Nesta edição, 108 países participaram do prêmio.

Compartilhar Notícia