Em Fortaleza, mais 1539 policiais e bombeiros militares são promovidos pelo Governo do Ceará

5 Min. de Leitura

Primeira mulher a se tornar coronel na história do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBMCE), Diana Maria Veras celebrou a conquista profissional nesta quinta-feira (25/1), em solenidade no Centro de Eventos do Ceará, em Fortaleza, com as presenças do governador Elmano de Freitas, da cúpula da Segurança Pública e de outras autoridades. Ao todo, 1539 oficiais e praças da Polícia Militar do Ceará (PMCE) e do Corpo de Bombeiros foram promovidos na oportunidade.

“Quando o governador me ligou, eu simplesmente fiquei em êxtase, como se tivesse paralisado aquele momento em minha vida. Repercutiu desde entrar na Academia, com meus amigos que me apoiaram a ir [fazer um curso] em Brasília, e minha família que veio muito forte nesse momento. Minha gratidão a Deus. Ser coronel é comandar uma tropa, um espaço. Minha filha disse que está muito honrada de ter uma mãe comandante”, relatou a coronel Diana, com olhos brilhando de emoção.

Aos agentes e familiares presentes, o governador reforçou o compromisso com a valorização e ascensão na carreira desses profissionais. “Considero justo promover mais de dois mil homens e mulheres. Desde que o governador Camilo sancionou a nova Lei de Promoções [em 2015], nós já promovemos mais de 30 mil homens e mulheres em nossas instituições militares. Nós queremos continuar com esse processo de reconhecimento, de valorização, e também de garantir condições de trabalho e infraestrutura, além do reforço de inteligência, para enfrentarmos o desafio da Segurança Pública”, garantiu.

Na ocasião, foi realizado o encerramento do Curso de Formação de Oficiais do Quadro Complementar da PMCE para 31 aspirantes: médicos (3); psicólogos (17); assistentes sociais (4); farmacêuticos (1); e dentistas (6).

Valorização

Neste mês de janeiro, o Governo do Ceará vai promover em dois dias 2098 profissionais, sendo 1.968 policiais militares e 130 bombeiros militares. As duas primeiras solenidades foram realizadas em Crato e Fortaleza, nesta quarta (24) e quinta-feira (25), respectivamente. A terceira e última será realizada em Sobral na noite desta quinta.

No Crato, cidade da Região do Cariri, foram promovidos 288 da PMCE e 13 do CBMCE, 301 no total. Em Fortaleza, foram 1.426 da PMCE e 113 CBMCE, 1.539 no total. Em Sobral, na Região Norte, serão 254 da PMCE e quatro do CBMCE, 258 no total.

O titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Samuel Elânio, afirmou que essa progressão contínua representa fortalecimento da segurança em todo o estado. “Ano a ano, a gente consegue valorizar e reconhecer esses profissionais que dão a vida pelo povo do Ceará. Isso acompanhado da formação e bom treinamento para termos as forças de segurança cada vez mais capacitadas”.

Comandante-geral da PMCE, coronel Klênio Savyo destaca a importância da promoção pra reconhecer trajetórias dedicadas a defender a população. “Antes de entramos nas Corporações, por vocação, abraçamos carreira tão nobre. Uma missão que cumprimos com muito ardor e muito prazer, porque é uma missão de 24 horas. A cada dia, a cada momento, honramos o juramento que fizemos, inclusive, dar a vida pelo outro”.

Para o comandante-geral do CBMCE, coronel Cláudio Barreto, a promoção sempre é emocionante e simbólica. “Cada um dos bombeiros militares estão dando mais um passo na carreira militar. São merecedores desse momento que é compartilhado com a família. Para mim, é uma alegria ver essa ascensão. O Corpo de Bombeiros está vigilante e atento para proteger vidas, cuidando das pessoas e do patrimônio, seja público ou privado, com o objetivo de avançar sempre na busca de segurança para o povo cearense”.

Raça de Fortes

Promovido a capitão da PMCE, Marcel Bucar fala sobre o orgulho de se dedicar há 25 anos para servir aos cearenses. “Isso nos dá motivação para continuarmos trabalhando para proteger a sociedade cearense. Trouxe meu filho Lucas porque sei da importância do exemplo e da Polícia Militar, que é uma instituição muito importante para o novo”.

Foi pelo exemplo que as irmãs e soldados da PMCE Amanda Henrique e Gabriele Fonteles ingressaram na Corporação. As duas são filhas da agora 1.° tenente da PMCE Joína Henrique. As três puderam celebrar juntas suas respectivas promoções. “Fui aprovada no primeiro concurso com policiais femininas da PMCE, em 1994. Essa promoção é muito importante para mim. É meu orgulho ser policial militar e ter duas filhas policiais” disse a 1.° tenente Joína Henrique.

Compartilhar Notícia