/“Dona”: Chiclete desarma Mão Santa e salva Vivi Guedes

“Dona”: Chiclete desarma Mão Santa e salva Vivi Guedes

Contratado para matar Vivi Guedes (Paolla Oliveira), Chiclete (Sergio Guizé) acabou se apaixonando pela influenciadora digital e agora não consegue honrar o compromisso feito com Cosme (Osvaldo Mil). Para resolver esse problema, Adão (Cesar Ferrario) manda Mão Santa (Guilherme Leicam) assumir a “missão”.

O justiceiro amarra o namorado da influenciadora digital e avisa que vai matar a morena. Para não levantar suspeitas, o rapaz rouba um carro de dedetização e entra na mansão da filha de Beatriz (Natália do Valle):

“Essa encomenda já demorou demais”, diz o motorista da família Guedes.

“Mas hoje sai. Fingi que entrei na casa para fazer serviço de dedetização”, comenta Leandro.

Beatriz se aproxima e pergunta se a dupla encontrou os focos de cupins na residência quando, de repente, Chiclete entra correndo no jardim e dá um soco em Leandro. Os dois rolam pelo chão enquanto lutam, deixando Beatriz, Linda (Rosamaria Murtinho) e Vivi assustadas na varanda:

“Chiclete, o que está havendo?”, pergunta a influenciadora digital.

“É um bandido”, responde, enquanto desarma Mão Santa e avisa: “Corre, senão atiro”.

Sem saída, o sobrinho de Maria da Paz (Juliana Paes) foge. Beatriz elogia a sagacidade de Chiclete e agradece o genro por ter salvado sua família de uma tragédia. A socialite comenta que estava ao lado do bandido sem perceber que ele estava armado.

“Eu vi de longe que ele ia sacar a arma para assaltar”, diz Chiclete.

Após chamar a polícia e registrar o ocorrido, Beatriz se desculpa com Chiclete por ter tentado afastar o rapaz de sua filha:

“A Maria da Paz (Juliana Paes) fez insinuações. Do jeito que ela falou, achei que ao seu lado ela corria perigo”, explica a socialite.

“Sou um cara do interior… meio bruto… não sou o homem ideal para sua filha”, diz o justiceiro.

“Ideal ou não, salvou nossas vidas. Meu herói”, celebra Vivi Guedes./ Famosidades

Comente com Facebook