/Cidadania lança Nota de Solidariedade a Cid Gomes

Cidadania lança Nota de Solidariedade a Cid Gomes

O presidente do Cidadania no Ceará, Alexandre Pereira, lamentou o ocorrido com o senador licenciado, Cid Gomes (PDT) em Sobral ao ser baleado por policiais grevistas. Ele comparou a realização do o ato a ações de facções criminosas, ressaltou que a sociedade merece respeito e se solidarizou com o senador Cid Gomes.

Confira a Nota:

“O Cidadania 23 torna pública a sua solidariedade ao Senador Cid Gomes pelo atentado sofrido hoje em Sobral.

A despeito de todo esforço realizado pelo Governo do Estado para o diálogo com os representantes legais de uma das mais valorosas instituições do Ceará, a Polícia Militar, que não comunga com atos de ilegalidade e banditismo como vistos hoje.

Nesta terça-feira, o dia foi de decepção para o cearense, quando agentes ditos militares, impediram policiais de saírem dos batalhões para fazer valer seu juramento de defesa da população, ameaçando comerciantes e decretando toque de recolher, por interesses meramente políticos e eleitoreiros, como o desgaste da imagem do Governo do Estado diante da população.

Atos que podem ser comparados, aos realizados por facções criminosas e que em nada honra a Polícia Militar do Ceará, que tanto admiramos e confiamos.

A sociedade cearense merece respeito! O Cidadania 23 do Ceará, defende de forma intransigente a democracia e o Estado Democrático de Direito, portanto, repudia o extremismo e a falta de civilidade vivenciada hoje em nosso estado.

O momento nos exige união e diálogo, para que tragédias ocorridas como essa não se repitam. A quem interessa o radicalismo e a desordem? A agressão e a disseminação do ódio? Enfim, tudo isso caracteriza um grande retrocesso.

Desejamos a plena recuperação do Senador Cid Gomes e que este impasse que prejudica a toda população, seja resolvido o mais rápido possível.

Alexandre Pereira

Presidente Cidadania 23 Ceará”

Comente com Facebook