/Cearense sobrevivente da tragédia do Fla faz tatuagem em homenagem aos amigos

Cearense sobrevivente da tragédia do Fla faz tatuagem em homenagem aos amigos

Dyogo Alves, um dos cearenses que sobreviveu à tragédia do CT do Flamengo, fez uma tatuagem em homenagem aos amigos que morreram no incêndio.

– Jamais serão esquecidos! Sempre levarei vocês comigo! – escreveu no Instagram.

Dyogo ganhou notoriedade com atuando pelo Ceará ao se destacar com grandes atuações e a personalidade que exige a posição de goleiro. Aos 12 anos de idade, ele assumiu a titularidade da categoria e foi conquistando títulos. Foi assim nos anos de 2016 e 2017, quando se sagrou campeão sub-13.

Em fevereiro, um incêndio de grandes proporções no Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro, acabou vitimando 10 atletas e deixando outros três feridos. Todas as vítimas foram identificadas: Athila Paixão, de 14 anos; Arthur Vinícius de Barros Silva Freitas; 14 anos; Bernardo Pisetta, 14 anos; Christian Esmério, 15 anos; Gedson Santos, 14 anos; Jorge Eduardo Santos, 15 anos; Pablo Henrique da Silva Matos, 14 anos; Rykelmo de Souza Vianna, 16 anos; Samuel Thomas Rosa, 15 anos; Vitor Isaías, 15 anos./ge

Comente com Facebook