/Caso Neymar: Defesa de Najila estuda levar acusação de estupro para a Justiça francesa

Caso Neymar: Defesa de Najila estuda levar acusação de estupro para a Justiça francesa

A defesa da modelo Najila Trindade, que acusa o jogador Neymar, do PSG, de estupro, estuda levar o caso para a Justiça francesa.

Cosme Araújo, advogado da modelo, aguarda pela manifestação da delegada Juliana Bussacos, da Delegacia da Mulher de Santo Amaro, em São Paulo – tanto no que diz respeito ao pedido de acareação de sua cliente com o atleta, solicitada por ele, quanto à conclusão do inquérito.

No dia 1º de julho, Juliana pediu alongamento do prazo para conclusão, inicialmente prevista para 31 de maio. No dia 11 de julho, o Ministério Público concordou e estipulou 10 de agosto como data limite.

“Eu ainda acredito que ela vai solicitar a acareação”, disse Cosme Araújo 

Segundo Araújo, se o inquérito em São Paulo não atender às expectativas da defesa até 10 de agosto, Najila viajará a Paris com um advogado que faz parte da equipe comandada por ele.

O procedimento em Paris, se levado a cabo, será semelhante ao que foi feito em São Paulo, com a abertura de um boletim de ocorrência, nos mesmos moldes do que ocorre nas delegacias brasileiras.

Cosme Araújo conversou com Najila sobre a entrevista concedida por Estivens Alves, ex-marido dela, à revista IstoÉ, na qual ele afirma que Najila não sofreu estupro.

“Ela me disse que ele (Estivens) quer aparecer. E não descarta que haja dinheiro envolvido nessa declaração dele”, disse Cosme.

“De minha parte, eu acho um absurdo ele afirmar algo assim. Por um acaso, ele estava no quarto?”, indaga o advogado. “O próprio Neymar, que afirmou que estava ‘doidão’, não deve ter certeza do que fez”, disse.

Quanto ao conteúdo do vídeo de sete minutos, no entanto, a que Estiven Alves afirma ter assistido, Cosme Araújo não faz contestação.

“O que tinha no vídeo era isso mesmo que ele diz. Mas, como venho dizendo desde o início do caso, o vídeo não tinha mesmo nada que pudesse comprovar a acusação. Não é isso que vai comprovar nada”, afirma.

Atualmente, Najila Trindade está na casa de conhecidos no interior da Bahia, com seu filho. E só irá a São Paulo ou Rio para depôr no caso de estupro e divulgação de imagens, respectivamente. / ESPN

Comente com Facebook