Pesquisa Datafolha: 53% dizem nunca confiar em nada do que Bolsonaro diz

2 Min. de Leitura

O presidente Bolsonaro (PL) anda com a confiabilidade abalada devido as contradições em série que vem dando ao longo do seu governo. A pouco mais de três meses das eleições em que tenta ser reconduzido ao cargo, o presidente permanece sem a credibilidade plena da maioria dos brasileiros, segundo o Datafolha.

Uma parcela de 53% da população diz nunca confiar nas declarações de Bolsonaro. Desta vez o percentual oscilou dentro da margem de erro na comparação com a pesquisa de maio, quando essa opinião era compartilhada por 56%. A taxa dos que acreditam nele às vezes também ficou estável (de 26% para 29% agora). Nas duas pesquisas 17% dizem sempre acreditar no presidente.

O grupo de pessoas que creem sempre no presidente Bolsonaro é formado numericamente, por exemplo, entre pessoas com renda familiar mensal de cinco a dez salários mínimos (32%), empresários (31%), homens (23%), evangélicos (25%), brancos (21%) e moradores do Centro-Oeste (21%).

Em relação aos eleitores que dizem votar em Lula,  80% dos eleitores não acreditam no atual presidente, ao passo que 17% confiam às vezes e 2% respondem sempre confiar.

Foram ouvidas 2.556 pessoas face a face entre quarta-feira (22) e esta quinta (23). A pesquisa, encomendada e divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo, foi registrada na Justiça Eleitoral com o número BR-09088/2022. O nível de confiança da pesquisa é 95%. A margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais para mais ou menos.

Compartilhar Notícia