/Nova Russas: apagão de iluminação e som prejudica última noite de eventos

Nova Russas: apagão de iluminação e som prejudica última noite de eventos

A Festa de Agosto é o período mais esperado do ano para os filhos de Nova Russas, tanto para aqueles que residem no município, quanto para aqueles que vivem em outras regiões do Pais, muitos guardam essa época do ano para visitarem parentes e amigos.

Além da centralidade religiosa, voltada para Nossa Senhora das Graças, padroeira do município, os eventos festivos, são bastante aguardados pelo grande número de visitantes que frequentam a cidade nesta época do ano.

Na edição da Festa de Agosto de 2019, a prefeitura de Nova Russas anunciou o evento como “o maior de todos os tempos”. Alterou o local de realização das festas, anunciou grandes atrações e uma mega estrutura para receber milhares de pessoas.

A mudança de local do evento agradou o público, a atração do Comandante Xand Avião demonstrou que o município tem potencial turístico para grandes eventos, mas, a gestão municipal continua demonstrado falta de planejamento.

Com tantas atrações caras, é inadmissível que a festa seja interrompida por várias horas por problemas técnicos de som e iluminação.

Na última noite do evento (14/08), Avine Vinny subiu ao palco e cantou poucas músicas e teve o show interrompido por um “apagão” no som e iluminação. Após uma longa paralisação, o artista voltou a cantar duas músicas para se despedir do público e justificar que não teve condições técnicas de realizar o show conforme reza o contrato profissional.

O mesmo apagão voltou no meio do show da vocalista Gil Mendes, muitas pessoas chegaram a pensar que sua apresentação havia terminado e que haveria trocas de bandas. Após outra longa parada, ela voltou para encerrar sua apresentação.

O som e a iluminação só voltaram ao normal quando a banda Magnificos entrou, contudo, já era tarde, muita gente já havia saído, depois de uma longa espera.

A falta de banheiros químicos suficientes também gerou muitas reclamações por parte do público, em virtude de situações inusitadas em que homens e mulheres chegaram a ocupar os mesmos espaços em ambientes improvisados para realizarem suas necessidades.

A falta de um órgão controlador e fiscalizador dos estacionamentos por parte da gestão também foram motivos de reivindicações.

Em relação a Segurança Pública, mesmo com um fluxo muito grande de pessoas, vale salientar o trabalho dos profissionais de segurança que mantiveram a integridade física das pessoas ao longo da festa.

No filme Titantic, faltou binóculos, no grande transatlântico, instrumento pequeno, porém, necessário para  evitar grandes acidentes. Na Festa de Agosto de Nova Russas faltou gerador, pequeno detalhe que teria produzido grande diferença no evento. No filme, o barco afundou. Na Festa de Agosto, a administração ainda tem a festa do ano que vem para se recuperar.

No mais, o público ainda continua aguardando “a maior Festa de Agosto de todos os tempos.”

 *Reginaldo Silva: professor, radialista e editor do Ceará Noticias.

Comente com Facebook