Moro está impedido de disputar qualquer cargo em São Paulo

1 Min. de Leitura
O juiz federal Sergio Moro participa na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado de audiência pública sobre projeto que altera o Código de Processo Penal (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo emitiu nesta quinta-feira (09/06) a certidão de trânsito em julgado da ação que barrou Sergio Moro (União Brasil) da corrida eleitoral pelo estado paulista em 2022. Como o ex-juiz não recorreu, o caso está encerrado.

Moro foi derrotado na terça-feira (07/06) por um placar de 4 a 2. Além de considerar irregular a transferência do título de eleitor do ex-juiz para a capital paulista, o TRE-SP decidiu que ele está impedido de disputar qualquer cargo em São Paulo. Moro nasceu no Paraná e fez carreira naquele estado.

A ação do PT, assinada pelo deputado federal Alexandre Padilha (PT-SP) e pelo diretório municipal de São Paulo da legenda, alegava que o ex-juiz nunca residiu nem teve vínculo empregatício na capital paulista. Por isso, não poderia representar o estado de SP no Congresso Nacional.

Compartilhar Notícia