/Fortaleza tem atuação sem pontos positivos diante do Bragantino e deixa G-4

Fortaleza tem atuação sem pontos positivos diante do Bragantino e deixa G-4

Compartilhe!

O Fortaleza foi derrotado pelo Bragantino por 3 a 0 em uma noite de uma atuação muito abaixo da média e sem pontos positivos. A defesa teve falhas, o ataque não produziu e o time estava entregue no jogo do adversário em diversos momentos da partida. O resultado significava a permanência no G-4 por mais uma rodada, com a derrota o Leão caiu para a sexta posição. Apesar do peso que o lugar na tabela tem, o mais frustrante em assistir a partida não foi o resultado, mas a apresentação.

Sem David e Robson, o ataque do Leão foi formado por Depietri e Henríquez. Pikachu voltou a estar entre os titulares. Logo no início da partida, Tinga não acompanhou Helinho, que abriu o placar aos seis minutos. Aos 14, Helinho novamente encontrou espaço para cruzar na área e Ytalo completou.

Os dois gols marcados cedo pesaram e o time se apresentava desorganizado, o setor de criação não dava resultados e o Leão ia sendo envolvido pela marcação do Massa Bruta. No fim da primeira etapa, os donos da casa tinham finalizado quatro vezes e marcado dois gols. Já o Leão tinha as mesmas quatro finalizações, mas sem grandes sustos para o goleiro adversário.

No início da segunda etapa, o Fortaleza começou com ímpeto, buscou ir pra cima, mas durou apenas alguns minutos e o jogo começou a se arrastar sem grandes feitos. O ataque com Henríquez e Depietri não funcionou como deveria. O primeiro não conseguiu ser uma referência no ataque, segurar a bola no setor ofensivo, converter chances. O segundo não teve uma boa movimentação e velocidade para desequilibrar a defesa adversária.

Vojvoda colocou Ronald e Igor Torres. O atacante chegou a finalizar em duas oportunidades na partida e rendeu mais com a entrada de Vargas. As substituições não trouxeram uma dinâmica diferente e a derrota foi se confirmando.

A atuação só não deve ser esquecida porque servirá para correção e ajustes para o próximo confronto, contra o Ceará. Lucas Crispim e o atacante David estão no departamento médico por conta de lesões musculares, sendo dúvidas para o duelo. Além disso, Lucas Lima somou o terceiro cartão amarelo e também fica de fora./ge

Foto: Leonardo Moreira /FortalezaEC

Compartilhe!

Comente com Facebook