/Governadores querem reunião com Bolsonaro para tentar pacificar o clima de tensão com as instituições do País

Governadores querem reunião com Bolsonaro para tentar pacificar o clima de tensão com as instituições do País

No encontro do Fórum dos Governadores, realizado em Brasília nesta segunda-feira (23/08), com a maioria dos presentes participando de forma virtual, não faltaram críticas ao comportamento de Bolsonaro e foi unânime a tese de que o atual clima de instabilidade política é prejudicial para todos.

A ideia era divulgar um manifesto formal contra o presidente, no entanto, dividiu opiniões, especialmente porque poderia apenas ampliar o clima de instabilidade, sem resolver a situação.

Sem consenso em torno da divulgação de uma nota contra as ameaças feitas por Jair Bolsonaro à democracia, governadores de 24 Estados e do Distrito Federal decidiram propor ao presidente e aos outros chefes de Poderes uma espécie de reunião de pacificação e de normalização institucional do País.

Para sair do impasse em torno do manifesto e não deixar de mandar uma clara mensagem de insatisfação ao presidente, a ideia de marcar um encontro com Bolsonaro e os demais representantes de Poderes foi proposta pelo governador do Pará, Helder Barbalho (MDB).

A sugestão foi tratada como uma espécie de tentativa final de restabelecer alguma normalidade no País, além de abrir caminho para que o presidente tenha uma espécie de “saída honrosa” para recuar dos ataques que vem fazendo contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e das ameaças às eleições do próximo ano./AE

(Foto: reprodução)

Comente com Facebook