/Secretário de Segurança Pública de Goiás diz que Lázaro Barbosa estava recebendo ajuda na fuga, duas pessoas foram presas e acredita está mais próximo da resolução do caso

Secretário de Segurança Pública de Goiás diz que Lázaro Barbosa estava recebendo ajuda na fuga, duas pessoas foram presas e acredita está mais próximo da resolução do caso

Policiais da força-tarefa que tenta encontrar Lázaro Barbosa de Sousa, 32 nos, prenderam dois homens suspeitos de ajudar o acusado a fugir após o assassinato da família Marques Vidal, em Ceilândia Norte.

O Secretário de Segurança Pública de Goiás, Rodney Rocha Miranda, em entrevista coletiva, declarou que seria impossível o criminoso agir sozinho por tanto tempo. “Abrimos uma nova linha de investigação porque, na nossa cabeça, não era possível um sujeito desse ter essa habilidade toda sem apoio. Temos desconfiado disso desde do início”, afirmou. O chefe da pasta não se pronunciava sobre o caso havia seis dias.

Um fazendeiro e um caseiro que ajudaram Lázaro Barbosa na fuga, identificados como Elmi Caetano Evangelista e Alain Reis de Santana foram presos nesta quinta-feira (24/04).

Além de ajudar Lázaro a fugir das forças policiais, eles teriam escondido o criminoso em uma casa, segundo a polícia. “Estamos (trabalhando) em uma área bem menor do que no início, e temos a expectativa de que ele esteja em algum dos pontos (monitorados). Vamos ficar lá (na área) até ele sair”, reforçou o secretário. “Nós fechamos o perímetro. A probabilidade de ele ter saído é muito pequena. Mas uma das pessoas presas tentou tirá-lo do cerco.”/CB

 

 

Comente com Facebook