/Ceará e outros três Estados do Nordeste assinam pré-acordo para garantir a conclusão das obras de Transposição do Rio São Francisco

Ceará e outros três Estados do Nordeste assinam pré-acordo para garantir a conclusão das obras de Transposição do Rio São Francisco

O governador Camilo Santana (PT) e mais três governadores de estados da região Nordeste assinaram na noite desta quinta-feira (29/04) com o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), um pré-acordo para definir critérios contratuais para início da operação comercial dos serviços e manutenção do sistema, do projeto que garantirá a conclusão das obras de Transposição do Rio São Francisco, negociados por intermédio da Câmara de Mediação e de Conciliação da Administração Pública Federal, órgão ligado à Advocacia-Geral da União (AGU).

Para o governador do Ceará, Camilo Santana, o acordo firmado entre a União e os estados nordestinos que serão beneficiados pelas águas do ‘Velho Chico’ vai garantir a perenidade e melhor funcionamento das estruturas do empreendimento. “Esse compromisso é a garantia da sustentabilidade do Projeto São Francisco. Essa é uma obra importantíssima para o crescimento e desenvolvimento da região e, principalmente, para darmos condições de melhoria de vida para quem mora nas zonas rurais do Nordeste”, pontuou Camilo.

“Este termo põe fim a anos de negociação entre o Governo Federal e os estados. Água é desenvolvimento e qualidade de vida, principalmente para as famílias do Nordeste, que historicamente convivem com a seca”, destacou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Por meio do pré-acordo, o Governo Federal se compromete em concluir as obras complementares ao Projeto de Integração do Rio São Francisco, como o Ramal e a Adutora do Agreste, em Pernambuco, o Ramal do Apodi, no Rio Grande do Norte, o Ramal do Salgado, no Ceará, e o Ramal do Piancó, na Paraíba.

O governador Camilo Santana em suas redes sociais comemorou a assinatura do pré-acordo destacando que a Integração do São Francisco é uma obra sonhada há muitas décadas e que vai garantir a segurança hídrica do Estado.

Pode ser uma imagem de 2 pessoas, televisão e tela

Comente com Facebook