/Em menos de um mês, Brasil dobra o número de mortos em 24h e atinge a trágica marca de 4.211 óbitos

Em menos de um mês, Brasil dobra o número de mortos em 24h e atinge a trágica marca de 4.211 óbitos

No dia 16 de março, o Brasil ultrapassou a triste marca de 2 mil mortos em 24 horas, uma semana depois, mais de 3 mil óbitos entraram no sistema do Ministério da Saúde. Nesta terça-feira (06/04), o País vive o dia mais triste dessa pandemia, registrando em um único dia 4.211 vidas perdidas pela Covid-19.

Os dados são do consórcio de veículos de imprensa integrado por Folha, UOl, O Estado de S. Paulo, G1, O Globo e Extra. Os números de hoje assustam porque são mais do que o número de óbitos somado nos primeiros dois meses da pandemia na primeira onda, entre 25 de fevereiro de 2020, até 25 de abril daquele ano, foram registradas 4.066 mortes decorrentes da doença.

O Ceará se aproxima dos 15 mil óbitos, com 562 580 casos registrados e 14.834 mortes ao longo da pandemia, o Estado aguarda com ansiedade a ampliação do número de vacinas para que se possa respirar aliviado, muito embora os números tenham demonstrado uma estabilidade em quase um mês de isolamento rígido social.

 

Comente com Facebook