/Vereador Wellington Sabóia condena uso de adesivo em supostos transportes de aplicativo com conteúdo sexual

Vereador Wellington Sabóia condena uso de adesivo em supostos transportes de aplicativo com conteúdo sexual

O vereador de Fortaleza, Wellington Sabóia, líder do Partido da Mulher Brasileira (PMB) subiu na tribuna da Casa nesta quinta-feira (18/02) para condenar o uso de adesivos por alguns supostos motoristas de aplicativo que estão usando um adesivo com conteúdo sexual.

Alguns carros supostamente de aplicativos já foram flagrados com o adesivo: ” aceitamos xerecard” em referência a letra de uma música de funk que sugere sexo como pagamento de serviços.

O carro possuía dois adesivos: um com referência a música e outro com a logomarca de dois aplicativos de transporte. — Foto: Arquivo pessoal

O vereador Wellington Sabóia condenou o ato na tribuna da Câmara Municipal de Fortaleza e disse que vai oficializar a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) para que identifique e tome as providências cabíveis em relação a esses supostos motoristas de aplicativos que estejam usando o referido adesivo.

Para o parlamentar, o adesivo é preconceituoso e trata as mulheres de forma pejorativa, levando ao pensamento de que podem ser tratadas como meros “objetos sexuais”, sem levar em consideração sua personalidade ou dignidade. O vereador pediu ainda o apoio dos pares, para atuarem em conjunto com o objetivo de evitar que os profissionais motoristas de aplicativo que trabalham com responsabilidade, não sejam penalizados por aqueles fazem o uso do adesivo como “uma brincadeira, uma molecagem e um constrangimento para as mulheres de Fortaleza,” pontuou o parlamentar.

Comente com Facebook