/Pacajus: Juiz cassa mandato de prefeito e vice por abuso de poder político

Pacajus: Juiz cassa mandato de prefeito e vice por abuso de poder político

O juiz da 49ª Zona Eleitoral, Alfredo Rolim Pereira cassou o mandato do atual prefeito de Pacajus, Bruno Figueiredo e de seu vice, Francisco Fagner. A publicação foi nesta terça-feira, (15/02), por abuso de Poder Político.

De acordo com a sentença, Bruno Figueiredo teria usado a página oficial da Prefeitura para fazer “lives” para promoção pessoal com dinheiro público. O prefeito Bruno Figueiredo e o vice Francisco Fagner também ficam inelegíveis poŕ oito anos. A decisão ainda cabe recurso.

Caso a decisão seja referendada pelo TRE-CE e mantida pelo TSE, o município de Pacajus terá eleição  suplementar.

“Julgo procedente o pedido inicial, reconhecendo o ilícito de abuso de autoridade dos demandados Bruno Pereira Figueiredo e Francisco Fagner Da Costa, aplicando-lhes a sanção de cassação dos seus diplomas de prefeito e vice-prefeito, respectivamente, decorrentes das eleições municipais de 2020, cominando-lhes, ainda, a sanção de inelegibilidade para as eleições que se realizarem nos 8 (oito) anos subsequentes a esta eleição,” determina o juiz na sentença proferida na última segunda-feira (15/02).

A ação que resultou na cassação do mandato de prefeito e vice de Pacaus foi apresentada pelo candidato derrotado José Wilson Chaves Júnior (PSD).

(Foto: Divulgação)

Comente com Facebook