/Intérpretes e líderes, Diego Alves e Filipe Luís se tornam “auxiliares” de Dome no Flamengo

Intérpretes e líderes, Diego Alves e Filipe Luís se tornam “auxiliares” de Dome no Flamengo

Um Flamengo que ainda não fala a mesma língua de seu treinador dentro de campo, mas que encurta caminhos para isso fora dele. E no sentido literal. Filipe Luís e Diego Alves têm utilizado o espanhol fluente de anos em La Liga para facilitar a vida de Domènec Torrent e se tornaram auxiliares dentro de campo.

A imagem do bate-papo no centro do gramado do Maracanã entre o treinador e o goleiro em nada teve a ver com ajustes na saída de bola, como poderia supor após Diego Alves oscilar. Tratava-se de orientações importantes ainda no calor do empate com o Grêmio que Dome fez questão de repassar em sua língua materna.

Logo em seguida, no vestiário, Diego Alves pediu a palavra, como de hábito, e reforçou o apoio ao treinador e que os atletas não vão medir esforços para compreensão dos conceitos de futebol. Um dos capitães da equipe, o goleiro tem tido voz ainda mais ativa no momento difícil.

Para se adaptar o mais rápido possível ao Brasil, Dome chegou ao Ninho pedindo que a comunicação com ele fosse feita em português. Ainda na primeira semana, o treinador chamou Rafinha e Filipe Luís para uma reunião onde pediu ajuda neste processo de adaptação ao idioma e para passar orientações.

Durante os treinamentos, houve aproximação também de Diego Alves. Com a saída de Rafinha, o goleiro e o lateral ficaram ainda mais importantes nesta função informal e dialogam com Dome sobre a equipe constantemente no CT e no vestiário.

Na reunião da semana passada em Goiânia, após a derrota para o Atlético-GO, a comunicação foi um dos temas e os jogadores pediram que Dome se sinta confortável. O técnico reforçou o desejo de falar em português e escutou que não há problema em usar expressões mais específicas em espanhol.

Na base do diálogo e com dois “novos membros” da comissão técnica dentro de campo, Flamengo e Domènec trabalham para entrar em sintonia. Domingo, às 11h (de Brasília), haverá uma nova prova: contra o Botafogo, no Maracanã, pela quinta rodada do Brasileirão./GE

Comente com Facebook