/Fortaleza se impõe, vence Clássico-Rei e quebra invencibilidade de 16 jogos do Ceará

Fortaleza se impõe, vence Clássico-Rei e quebra invencibilidade de 16 jogos do Ceará

O primeiro Clássico-Rei após a volta das competições acabou com festa tricolor. Em jogo na noite desta quarta-feira (15/07), o Fortaleza mostrou superioridade para vencer o Ceará por 2 a 1 pela 7ª rodada do Campeonato Cearense. Com boas atuações do quarteto ofensivo e destaque para a zaga e a dupla de volantes, o time do técnico Rogério Ceni optou por uma escalação mais tradicional para vencer o maior rival e assegurar a liderança do segundo turno do Estadual e a vantagem na semifinal da competição.

 

PRIMEIRO TEMPO

Com muita movimentação principalmente pela direita, o Ceará tentava infiltrar e apertava a saída de bola de Felipe Alves, enquanto o Fortaleza encontrava dificuldades para subir as linhas. Mas o Tricolor acordou para a partida e começou a investir em subidas pela direita com Tinga e em boas jogadas de Romarinho pelo meio. Aos 31, em cobrança de escanteio de Juninho, Tinga cabeceou e WP9 mandou para o fundo da rede. Com o placar aberto, o time do técnico Rogério Ceni viu o Vovô levar o perigo e empatar com Charles após erro do camisa 12 do Leão. Mas o volante alvinegro estava impedido, segundo o assistente. No fim da etapa inicial, o Fortaleza ainda perdeu Tinga com dores no púbis.

SEGUNDO TEMPO

O Tricolor ampliou o marcador com o “moleque liso”. Yuri César pegou de primeira na entrada da área e acertou a rede alvinegra. Com a desvantagem, o Ceará se desorganizou e perdeu a mobilidade entre o meio-campo e o ataque. O Leão começou a trocar passes e investir em boas jogadas. Já nos acréscimos, após cruzamento de Rick da esquerda, Bergson acertou a bola no canto esquerdo de Felipe Alves, e a partida esquentou. Apesar das tentativas, o Ceará não conseguiu o empate. Resultado final: 2 a 1 para o Fortalez CAI ÚLTIMO INVICTO DA SÉRIE A

Após 17 jogos, o Ceará conheceu a primeira derrota em 2020. Com 8 vitórias e 8 empates na temporada, o Vovô ainda não havia perdido, sendo a única equipe da Série A do Campeonato Brasileiro que estava invicta este ano

O MOLEQUE É LISO!

Quatro jogos e quatro gols. Yuri César, que chegou em março ao Fortaleza, marcou em todas as partidas com a camisa tricolor. Autor do segundo gol do time, ele acabou substituído no meio do segundo tempo, mas vem fazendo valer o apelido de “moleque liso”SITUAÇÃO NA TABELA

Com o resultado, o Fortaleza dispara na liderança do Cearense e chega a 18 pontos, garantido vantagem em caso de empate nas semifinais. O Ceará permanece na vice-liderança, com 14 pontos, também com vantagem na próxima fase

AGENDA

Com o fim da segunda fase, o Fortaleza aguarda agora os jogos de quinta-feira para conhecer o adversário da semifinal (Guarany ou Atlético-CE). Já o Ceará vai enfrentar o Ferroviário na segunda semifinal, em mais uma Clássico da Paz em 2020. O duelo será no fim de semana, também em horário e local a serem definidos pela Federação Cearense de Futebol /ge

 

 

Comente com Facebook