/Sete cidades do interior cearense em “lockdown”, hospitais regionais receberão novos respiradores

Sete cidades do interior cearense em “lockdown”, hospitais regionais receberão novos respiradores

Agora são sete cidades cearenses quem entraram “lockdown”, por causa da pandemia do novo coronavírus, foi ampliado de dois para sete. O anúncio foi feito pelo governador Camilo Santana na noite de sábado (27/06), as medidas entram em vigor nesta segunda-feira (29/06). O motivo é o crescimento dos casos de Covid-19, do número de óbitos e da taxa de ocupação de leitos de UTI.

Além de Sobral, na região Norte, e Juazeiro do Norte, no Sul do Ceará, que já estavam com medidas rígidas de isolamento social há 14 e 7 dias, respectivamente, agora, Iguatu, no Centro-Sul, Tianguá, na Serra da Ibiapaba, e Crato, Barbalha e Brejo Santo, no Cariri cearense passam a vivenciar regime de lockdown.

O governador Camilo Santana também sugeriu que as medidas rígidas sejam implantadas por prefeitos das cidades do entorno onde passam a vigorar o lockdown.

EM TEMPO

Camilo também anunciou que grande parte dos 300 respiradores que chegaram ao Ceará neste fim de semana irá para municípios do Interior, como Aracati, Canindé, Crato, Barbalha, Brejo Santo, Iguatu, Icó, Crateús, Tianguá, Ubajara, Itapipoca, Caucaia. Os hospitais regionais (Sertão Central, Norte e Cariri) também terão ampliação com 30 leitos de UTI em cada um a partir da chegada dos aparelhos.

(Foto:reprodução/ Wandemberg Belém)

Comente com Facebook