/Bruna Marquezine denuncia coach por vídeo racista e evita mutirão.

Bruna Marquezine denuncia coach por vídeo racista e evita mutirão.

Bruna Marquezine fez denúncia contra a coach Luisa Nunes Brasil nas redes sociais. Nesta semana, a influenciadora compartilhou um vídeo que teve falas consideradas racistas e revoltou a atriz.

“Racismo sempre vai existir enquanto a maioria dos crimes for causada pela população negra. Racismo é algo natural, um instinto de defesa”, opinou Luisa em seu perfil do Instagram.

Poucos dias antes, a artista e diversos famosos se uniram na internet a favor do movimento antirracista Blackout Tuesday, uma forma de protestar silenciosamente contra a desigualdade racial. A morte do menino João Pedro, de 14 anos, no Rio, também foi protestada

Bruna Marquezine explica por que não fará mutirão

Estrela de um ensaio de Dia dos Namorados, Bruna Marquezine recebeu inúmeros pedidos de fãs para que fizesse um mutirão contra a coach, a fim de que seus seguidores a denunciassem. Em resposta, a porta-voz da Intimissimi no Brasil disse que não queria dar palco para Luisa e que o discurso da coach pudesse alcançar outras pessoas.

“E dar mais espaço pra essa pessoa? Não, não. É numa dessa de fazer mutirão que ‘as farinhas’ do mesmo saco se encontram e ela ganha força. Já dei RT, like em post denunciando e denunciei eu também”, justificou.

Coach pede desculpas e afirma: ‘Não sou racista’

Devido a tamanha proporção, Luisa Nunes Brasil voltou às redes para justificar seu vídeo e em uma tentativa de se retratar publicamente. “Meus stories foram cortados e repostados soltos. Eu os deletei porque fui muito infeliz no jeito que falei. Eu não sou racista e não defendo movimentos racistas. Eu luto para que mulheres sejam mais felizes no seu dia a dia, que crianças tenham futuros mais promissores e que homens façam mais nesse mundo. Um mundo onde há diferença entre seres humanos por causa da cor da pele deles não é o mundo que eu luto para ajudar a construir. Se você me ouviu em algum outro canal e se ofendeu, eu te peço desculpas. Não foi minha intenção”, declarou.

‘Quanto mais palco, mais semelhantes se identificam’, diz atriz

Ao se deparar com as justificativas de Luisa Nunes Brasil, Bruna Marquezine reforçou que não irá fazer mutirão. “Por isso que não dá pra ‘fazer mutirão’ pra denunciar esse tipo de gente, quanto mais palco mais os semelhantes se identificam e ganham força. Cruz credo”, lamentou./ Purepeople

Comente com Facebook