/Novo estudo sobre a cloroquina: não apresenta efeitos significativos e não causa efeitos colaterais graves

Novo estudo sobre a cloroquina: não apresenta efeitos significativos e não causa efeitos colaterais graves

Um novo estudo da Universidade de Minnesota com mais de 800 pacientes não encontrou nenhum benefício no uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no combate ao novo coronavírus. Os resultados foram divulgados nesta quarta-feira (04/06), e também não apontaram para efeitos colaterais graves ou problemas cardíacos com o uso dos medicamentos.

“Nossos dados são bastante claros de que, para a pós-exposição, isso realmente não funciona”, disse o Dr. David Boulware, pesquisador principal do estudo e médico de doenças infecciosas da Universidade de Minnesota.

Vários testes do medicamento foram interrompidos devido a preocupações sobre sua segurança no tratamento do covid-19, levantadas por órgãos reguladores de saúde e estudos anteriores menos rigorosos. “Acho que os dois lados – um lado que está dizendo ‘isso é uma droga perigosa’ e o outro lado que diz ‘isso funciona’ – estão incorretos”, disse Boulware. Os resultados também foram publicados no New England Journal of Medicine.

Comente com Facebook