/Roberto Cláudio diz que operação da PF teve “motivações políticas e eleitorais”

Roberto Cláudio diz que operação da PF teve “motivações políticas e eleitorais”

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT) afirmou nesta segunda-feira (25/05) que a operação da Polícia Federal que investiga possíveis irregularidades em compra de 150 respiradores mecânicos pelo município tem “motivações políticas e eleitorais”, apontando, segundo ele, alguns pecados capitais na operação deflagrada em Fortaleza que demonstram as reais intenções.

“Eu não quero crer que uma instituição (referência à PF) com tantos servidores sérios e honestos possa ter o seu trabalho contaminado por um representante que tenha eventualmente motivações políticas e eleitorais”, disse o gestor.

Sem se referir a nomes, o prefeito afirmou que esse representante tem “cargo de confiança do presidente da República e está aqui exercendo uma missão para o Governo Federal”. A declaração foi dada ontem, durante transmissão pelas redes sociais.

O prefeito além de elencar o que considera atos de desonestidade na operação, também reafirmou o desejo de continuar trabalhando até o fim do seu mandato em defesa da vida do povo cearense. “Esta perseguição nacional não vai conseguir parar a determinação da nossa gente e muito menos a nossa capacidade de trabalhar e realizar. Nunca irão nos impedir de seguir trabalhando para quem mais precisa, especialmente em defesa da população mais carente da nossa periferia. Uma boa noite a todos e a todas,” enfatiza Roberto Cláudio.

Confira o vídeo em que o prefeito de Fortaleza esclarece que não houve atos de corrupção na compra de respiradores:

Comente com Facebook