/Setor produtivo do Ceará quer retomar as atividades econômicas no início de junho

Setor produtivo do Ceará quer retomar as atividades econômicas no início de junho

O setor produtivo do Ceará espera que a reabertura gradual da economia ocorra na primeira semana de junho. Entidades dos setores do comércio, indústria e serviços já esperavam a prorrogação do decreto, mas esperam que a reabertura comece já no começo de junho.

De acordo com o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), André Montenegro todos os estudos e protocolos de segurança já foram feitos e entregues ao governador Camilo Santana. “O governador tem que vir com a janela de abertura já definida. Nós esperamos que volte imediatamente depois do dia 31 (de maio), diz ele.

Já o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio), Maurício Filizola, destaca que a prorrogação do decreto já era esperada pelo setor produtivo. Mas ele ressalta que há indicativos para a reabertura.

“Tem algo nisso tudo que é positivo, porque já há uma sinalização para o retorno do comércio. Os números estão se estabilizando e isso é um dos indicativos para a retomada das atividades. Creio que essa primeira flexibilização é esperada na primeira quinzena de junho. É o que nós aguardamos. Eu sei que vai ser de uma forma diferente, com cuidados devidos”, pontua Filizola.

Comente com Facebook