/Embaixada da China se manifesta sobre declarações de Abraham Weintraub

Embaixada da China se manifesta sobre declarações de Abraham Weintraub

A Embaixada da China no Brasil respondeu na madrugada desta segunda-feira a comentários do ministro da Educação, Abraham Weintraub,  que acusou Pequim, sem embasamento, de esconder informações sobre o coronavírus do resto do mundo para posteriormente lucrar com leilões de equipamentos médicos. A embaixada afirmou que as postagens têm “cunho fortemente racista”, causando “influências negativas” nas relações bilaterais entre os dois países. O governo chinês instou, ainda, “alguns indivíduos do Brasil” a pararem com “acusações infundadas”.

Confira Nota:

Comente com Facebook