/Bolsonaro precisa do Congresso e da Economia para sobreviver

Bolsonaro precisa do Congresso e da Economia para sobreviver

Ninguém sabe até quando vai durar a paciência dos 12,6 milhões de desempregados do País. Os sinais de recuperação são lentos e a cada nova crise, os empresários freiam bruscamente. A nova crise do PSL tem sido  analisada com muita cautela por investidores. Ninguém quer investir em um País que vive em pé guerra. A novela mexicana do PSL também está sendo observada pelos setores econômicos com uma amplitude ainda maior.

A história nos mostra que Dilma conseguiu sobreviver sem o Congresso, mas teve seu fim decretado quando a economia estourou. Temer tinha o Congresso e se manteve mesmo com sinais pífios de recuperação da economia. Até aqui, o presidente Jair Bolsonaro a cada dia perde nessa relação com o Congresso, tão legítimo quanto ele, todos foram eleitos pelo voto popular. E os sinais de recuperação da economia existem, porém muito tímidos, enquanto uma grande massa de desempregados ainda aguarda seu lugar ao sol. Paciência também tem limites.

Comente com Facebook