/TJRJ: desembargador Siro Darlan é alvo de operação da PF

TJRJ: desembargador Siro Darlan é alvo de operação da PF

O desembargador Siro Darlan, do TJ/RJ, é alvo de operação da Polícia Federal nesta terça-feira (24/09). Sete mandados de busca e apreensão contra o magistrado foram autorizados pelo ministro Luis Felipe Salomão, do STJ, em inquérito que apura venda de decisões. Buscas devem acontecer em sua residência, no gabinete e em escritórios ligados a ele.

De acordo com reportagens publicadas em dezembro do ano passado pelo jornal O Globo, o desembargador usava os plantões judiciários para vender HCs e liberar presos.

Em pelo menos dois casos, detentos teriam sido beneficiados por decisões de Darlan. Em um deles, uma colaboração premiada foi anexada ao documento. Um delator contou à Justiça que ouviu de um preso ter pago R$ 50 mil a um intermediário do magistrado.

A negociação teria sido feita em favor de Ricardo Abbud, presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Resende. Abbud foi preso em 2015, acusado de praticar irregularidades na Câmara dos Vereadores de Niterói.

Ainda existem outras denuncias contra o magistrado.

Comente com Facebook