/Fortaleza recebe mais de 200 atletas no Pan-americano de Luta Olímpica 2018

Fortaleza recebe mais de 200 atletas no Pan-americano de Luta Olímpica 2018

Os principais atletas de 18 a 20 anos das Américas disputam de 17 a 19 de agosto o Pan-americano Júnior de Wrestling 2018, no Centro de Formação Olímpica, em Fortaleza. No total, trinta categorias estarão em disputa, dez em cada um dos três estilos olímpicos da modalidade: estilo greco-romano; wrestling feminino e estilo livre. É a primeira vez da Capital cearense como sede do evento continental que já conta com mais de 200 participantes. A última vez que o Pan-americano Júnior aconteceu no Brasil foi em 2011 na capital paulista.

 É muito importante para o crescimento e massificação do wrestling realizar um torneio de alto nível técnico como esse no estado do Ceará – pontuou Roberto Leitão, Superintendente da Confederação Brasileira de Wrestling.

Na última edição em Lima, Peru, a equipe brasileira conquistou oito medalhas: uma de ouro; duas de prata e cinco de bronze. Entre os medalhistas remanescentes da campanha passada estão o bicampeão pan-americano Joílson Júnior até 67kg e Erivan Rocha do estilo greco-romano; Thais Oliveira até 72kg do wrestling feminino e Daniel Nascimento até 57kg do estilo livre. Entre os rivais brasileiros, a equipe mexicana é a delegação mais numerosa com 29 atletas. O Brasil aparece ao lado dos Estado Unidos com 25 lutadores.

O torneio é obrigatório para os países que desejam enviar lutadores ao Campeonato Mundial Júnior 2018 em setembro, na Eslováquia, importante etapa rumo ao principal objetivo dos atletas disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020. Para Joilson Júnior, campeão dos Jogos Sul-americanos de Cochabamba, o Pan-americano é mais uma oportunidade de verificar o nível dos rivais internacionais sem ter que sair do país.

– É uma grande oportunidade para todos os lutadores saberem em que nível estão no cenário internacional. Muitos atletas que vão competir em Fortaleza vão disputar as seletivas olímpicas em 2019, então temos que ficar atentos em todos os detalhes para não sermos surpreendidos. Vai ser irado competir em casa e espero conseguir mais um título para o Brasil – afirmou Joilson Júnior, 20 anos, e titular da seleção brasileira sênior.

Comente com Facebook