/Marcos Valério operador do mensalão, diz que Lula deveria ter sido exposto lá atrás

Marcos Valério operador do mensalão, diz que Lula deveria ter sido exposto lá atrás

Em entrevista a revista digital Crusoé desta semana, Marcos Valério Fernandes de Souza, operador do mensalão diz que Lula tinha que ter sido exposto lá atrás. Preso pela primeira vez em 2008, com passagens em vários presídios, hoje ele cumpre pena em uma cadeia mais tranquila, a APAC de Sete Lagoas Minas Gerais, que é destinada para detentos de bom comportamento.

Marcos Valério descreve sua rotina na prisão e diz que vive um dia de cada vez. Pinta quadros, lê muito e faz resumos para abater os dias no cumprimento de sua pena. Ele diz que se considera um sobrevivente do sistema prisional brasileiro e não deseja que seu pior inimigo passe pelo que passou, ao longo desses anos. Para ele, jogar um adolescente de 19 anos dentro de um sistema prisional brasileiro, sem dinheiro e maturidade para sobreviver, vai sair de lá muito pior do que entrou.

Marcos Valério conta que está arrependido, que todos os dias acende uma vela para Sérgio Moro e que a prisão de Lula é merecida. Para ele, o ex-presidente sabia de tudo e deveria ter sido exposto lá atrás, declara que não o fez por medo e utilizou o silêncio como forma de sobrevivência para ele e sua família.

O operador do mensalão não tece maiores detalhes sobre o esquema de corrupção, porque segundo ele está em sua delação premiada e pode comprometê-la.

Marcos Valério ressalta ainda que não acredita em mudanças, o sistema vai se reinventar, com mais cuidados e de outras formas. Ele se diz arrependido e que não existe mais nenhuma chance de reincidência e em hipótese nenhuma  quer o Ministério Público como inimigo.

(Foto: Rodrigo Rangel)

 

Comente com Facebook