/Movimentos sem-teto invadem Ministério das Cidades por audiência com ministro

Movimentos sem-teto invadem Ministério das Cidades por audiência com ministro

Cerca de 50 representates de movimentos sem-teto de todo o país invadiram o Ministério das Cidades, na Esplana dos Ministérios, no início da tarde desta quinta (7). Acampados em Brasília há uma semana, o grupo quer uma audiência com o ministro Alexandre Baldy.

Segundo alguns representantes, o ministro teria prometido ir até o acampamento na manhã desta quinta para ouvir as reivindicações dos sem-teto. No entanto, isso não aconteceu e o grupo decidiu ir “ao encontro dele”.

Após negociações com a equipe do ministério, os sem-teto concordaram esperar pelo ministro no auditório do prédio que sedia a pasta. A Polícia Militar está fora do edifício, como medida de reforço da segurança no local.

Nesta terça (6), manifestantes fecharam duas faixas das seis do Eixo Monumental para cobrar a retomada dos investimentos na faixa mais baixa de renda do programa Minha Casa Minha Vida; a realização da Conferência Nacional das Cidades; a revogação da PEC do teto de gastos; e a revogação das mudanças na legislação trabalhista.

A chamada “Marcha das Cidades” reuniu cerca de 300 pessoas, segundo a Polícia Militar do DF, e três mil manifestantes, de acordo com os representantes dos movimentos sem-tetos que estiverem presentes. Estiveram presentes o Movimento das Trabalhadoras e

Trabalhadores por Direitos (MTD); Movimento Nacional de Luta por Moradia (MNLM); União Nacional por Moradia Popular (UNMP); Central dos Movimentos Populares (CMP); e Confederação Nacional de Associações de Moradores (CONAM) / DP

Comente com Facebook