/Governador de Pernambuco, Paulo Câmara, diz que Joaquim Barbosa precisa sair do silêncio

Governador de Pernambuco, Paulo Câmara, diz que Joaquim Barbosa precisa sair do silêncio

Compartilhe!

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), em entrevista ao Estadão disse que o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa vai ter que se apresentar ao Brasil,                 “ninguém vai eleger um presidente da República sem conhecer suas ideias.”

Paulo Câmara disse ainda que Joaquim Barbosa precisa se adaptar as ideias do partido e não o partido as dele. “O PSB, não abre mão dessa questão central. Somos um partido que tem 70 anos e estamos no campo centro-esquerda. Qualquer candidato do partido vai ter que ter coerência com o que nós pensamos. Não temos um projeto eleitoral, temos um projeto para o Brasil que a sigla defende. Destaca o governador.

Existem duas alas no partido hoje, aqueles que estão dando um tempo para o ex-ministro maturar sua candidatura e outros que querem que ele deixe o campo do silêncio. Temos um Brasil divido e as pessoas estão querendo saber o que o nosso futuro governante pensa, suas ideias e seus projetos para economia, para as reformas e outras áreas prioritárias.

Na entrevista, Paulo Câmara também destacou que o partido não avançou com a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB), apesar de ser um aliado do partido em São Paulo, devido suas ideias de desenvolvimento, sobretudo para região nordeste. Em relação a Marina destacou que ela se distanciou muito do PSB, mas defendeu que todas as candidaturas de centro devem dialogar e definir um projeto de desenvolvimento para o Brasil.

(Foto: Felipe Rau/Estadão)

 

 


Compartilhe!

Comente com Facebook