/Tamboril: Polícia Militar desarticula boca de fumo no bairro Monte Azul

Tamboril: Polícia Militar desarticula boca de fumo no bairro Monte Azul

O sargento Glaubio Campos da Polícia Militar de Tamboril confirmou a  desarticulação de uma possível  boca de fumo ( ponto de venda de drogas), no Bairro Monte Azul na cidade de Tamboril.
Segundo o sargento Glaubio, a boca de fumo funcionava em uma residência na Travessa Lourenço Bonfim no Bairro Monte Azul, e durante a madrugada os PMs avistaram duas pessoas entrando na residência, onde a polícia já tinha informações que na referida casa funcionava um ponto de venda de drogas.
Os PMs ao verem a movimentação estranha dentro do imóvel, arrombaram a porta e adentraram na casa, porém neste momento os proprietários da residência e mais outras pessoas que se encontravam no local, conseguiram fugir pelo quintal, levando a droga,  porém na fuga o casal acabou deixando duas crianças , sendo uma de 7 anos e outra de 10 anos respectivamente ( ambos filhos do casal).
Dentro da casa a polícia ainda apreendeu uma certa quantia em dinheiro, aparelho celular e documentos pessoais.
Todo material apreendido foi levado para a delegacia de polícia, bem como as duas crianças, sendo que o delegado plantonista da delegacia regional de Crateús, determinou que as crianças fossem entregues aos vizinhos do casal.
O sargento Glaubio disse que as pessoas responsáveis todas já foram identificadas como sendo da família Mozik, procedentes de Monsenhor Tabosa, mais que atualmente se encontram residindo em Tamboril.
Os envolvidos ainda estão  foragidos de acordo com as últimas informações da  Policial Militar.
Ainda de acordo com o sargento Glaubio Campos, as pessoas envolvidas, são as mesmas que ano passado tiveram a casa metralhada de bala , por elementos desconhecidos, fato ocorrido também em Tamboril.
O caso agora será repassado para o Dr Augusto, Delegado de Polícia Civil do município de Tamboril, que irá ficar responsável pelas investigações.
Vale salientar que participaram da ocorrência os PMs soldados Cheila, James e J.Matos, todos sob o comando do sargento Glaubio Campos.
(Gonçalinho Rodrigues)

Comente com Facebook