/Presa em Bangu, mulher de Cabral pode perder carteira da OAB

Presa em Bangu, mulher de Cabral pode perder carteira da OAB

A advogada Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador do Rio Sérgio Cabral, foi notificada na última quinta-feira (8) sobre um processo que pode fazer com que ela perca sua inscrição nos quadros da seccional do Rio de Janeiro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ) .

As informações foram divulgadas pelo coluna do jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, neste domingo (11).

De acordo com o jornal, Adriana deve apresentar na segunda (12) um pedido de prazo maior para se defender. Ela está presa preventivamente no Complexo Penitenciário de Gericinó desde a última terça-feira (6) por investigações da Operação Calicute.

Comente com Facebook