/Com esclerose múltipla, Claudia Rodrigues sorri em treino funcional na praia

Com esclerose múltipla, Claudia Rodrigues sorri em treino funcional na praia

Claudia Rodrigues aproveitou a manhã desta terça-feira (22) para praticar exercícios na praia do Leblon, Zona Sul do Rio de Janeiro. A atriz de 44 anos vem sofrendo com os sintomas da esclerose múltipla desde 2013, quando foi afastada pela primeira vez da TV , e fez um treino funcional acompanhada de um personal trainer e da amiga e empresária, Adriane Bonatto.

Em abril de 2014, Claudia deu uma entrevista à colunista Patrícia Kogut, garantindo que estava recuperada e que gostaria de voltar ao “Zorra Total”, humorístico da Globo. No entanto, em junho deste ano, Claudia foi internada em São Paulo após sofrer um surto por conta da doença degenerativa que enfrenta há 15 anos. Após quase vinte dias internada e dispensada da TV Globo, a atriz foi vista passeando em um shopping do Rio com Adriane Bonatto. “Graças a Deus, por incrível que pareça, ela está bem. O surto foi muito forte. A Claudia praticamente morreu nos meus braços”, contou a empresária, na época, ao Purepeople.

Apesar de aparecer sempre sorridente, Claudia Rodrigues contou, em agosto deste ano, em entrevista ao “Domingo Espetacular”, da Record, que já pensou em desistir de tudo no auge da depressão. “Pensei até em tirar minha vida, como meu irmão tirou. Pensei, mas não pensei mais. Foi um momento que aí ainda falei: ‘Caramba, tem a minha filha. Tem a menina, não posso fazer isso com a menina. Imagina, a garota vai dizer ‘Cadê a sua mãe?’ . ‘Morreu, se jogou’. Não posso fazer isso com ela, não podia. Cheguei perto, cheguei ali, na coisa”, contou Claudia, que já perdeu um irmão, Márcio, em 1991, nessa circunstância.

O quadro depressivo aconteceu há cerca de cinco anos, momento em que ela se viu sem amigos e começou a ficar reclusa em casa. “Eu não saia de casa. Ia sair para que? Chorava no meu travesseiro. Amigos? Que amigos? Quando você está no auge do sucesso, quando faz muita coisa, você é o máximo. Mas quando você sai de cena, as pessoas nem lembram de você”, alfinetou.

Hoje ela vive uma vida tranquila e mais equilibrada. Ao lado da única filha, Iza, ela tenta retomar a rotina, como levar a adolescente à escola. “Eu estou ótima. Embora as pessoas pensem que fico em casa deitadinha na cama chorando, eu estou ótima”, disse a atriz que se dedica ao pilates, atividade aeróbicas, musculação e, agora, aos treinos funcionais.

 

Comente com Facebook