/Ceará na rota aérea da droga

Ceará na rota aérea da droga

Duas pessoas que teriam envolvimento com o caso do avião monomotor que transportava cerca de 400Kg de pasta base de cocaína, apreendido na noite de ontem, em Canindé ,foram conduzidas para o Departamento de Polícia Federal (DPF) de Fortaleza, na manhã de desta quarta-feira (15). O piloto da aeronave, Cléber Paulo da Silva; e o taxista Antônio Cícero Cruz Silva prestaram  esclarecimentos sobre o fato.

De acordo com a Polícia, o piloto que foi encontrado em um restaurante em posse de vários galões de gasolina contou que a rota dos entorpecentes dentro do Ceará era traçada para que fosse feito um pouso em Boa Viagem e outro em Crateús, no entanto ele teria ficado sem combustível e foi até Canindé comprar gasolina.

 

Dois homens que estavam nas proximidades da aeronave no momento em que a Polícia realizou a apreensão foram detidos, mas acabaram sendo ouvidos e liberados. Os dois são agricultores e moram na região. Eles teriam sido pagos pelo piloto para vigiar o monomotor, enquanto Silva comprava o combustível.

A Polícia Militar disse que ainda está investigando quem seria o verdadeiro proprietário da droga, mas afirma que já está convicta de que o Ceará  faz parte de uma nova rota aérea de tráfico de drogas.

Fonte: DN

Comente com Facebook