/A lenda voltou! Spider joga Nick Diaz para escanteio, vence e cai no choro

A lenda voltou! Spider joga Nick Diaz para escanteio, vence e cai no choro

Aderson Silva voltou a sorrir no UFC. Um ano após se lesionar contra Chris Weidman, o brasileiro entrou bem-humorado na sala de imprensa após a vitória contra Nick Diaz na madrugada deste domingo, na MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, nos Estados Unidos. Spider confessou que encarou seu retorno como uma “missão” e comemorou o sucesso ao final da luta.

“Essa era minha missão. Meu técnico disse antes da luta: ‘você tem uma missão, você precisa vencer, os brasileiros estão esperando isso. Essa é sua missão.’ Agora acabou”, revelou na entrevista após o combate.

Anderson comemorou seu retorno ao octógono, mesclando um sentimento de alívio e felicidade. “Estou muito feliz. Sim, com certeza (tirou um peso dos ombros). Não luto faz um ano, quebrei minha perna, treinei duro para isso e deu certo. Devo isso ao meu time. Obrigado pessoal, eu amo vocês”, completou.

O lutador brasileiro ainda explicou o motivo do choro ao final do combate. “Acho que foi a emoção de estar aqui depois de tudo que passei. Quem acompanhou sabe como foi, a recuperação, as dores, acho que naquele momento eu estava muito emocionado e ainda estou”, acrescentou. Agradeço a todos que me ajudaram, todos meu treinadores, amigos de verdade, aqueles que estão comigo há muito tempo. Eles fizeram isso acontecer hoje”, finalizou.

Antes de deixar a sala de entrevistas, Anderson ainda esbanjou bom humor: assumiu o lugar principal do palco, que normalmente é ocupado por Dana White, e se passou pelo chefão do UFC. “Alguma pergunta para o Dana White negro? A próxima luta de cinturão será contra… Eu não sei, desculpe”, disse, dando risadas e se despedindo da imprensa mundial.

Redação do Ceará Notícias

*Uol

Comente com Facebook